Publicidade
Publicidade - Super banner
Comidas
enhanced by Google
 

O melhor pastel de feira de São Paulo

Sucesso na Zona Leste, o quitute da barraca da Agena vence a segunda edição do concurso

Larissa Januário, especial para o iG São Paulo |

Edu Cesar/Foto Arena
O melhor pastel de feira de São Paulo: em Perus e na Freguesia do Ó

Recheio farto de carne moída bem temperada com alho, azeitonas picadinhas e cheiro verde. A massa é crocante, leve e dourada. Na ansiedade da primeira mordida no travesseirinho recém saído do óleo o vapor quente chega e queimar o rosto, mas ninguém é louco de esperar o pastel esfriar pra comer. Principalmente quando se trata do campeão entre os finalistas do concurso que elege o melhor pastel de feira de São Paulo.

Na final que ocorreu hoje na Praça Charles Miller, no Pacamebu, em São Paulo, o “pastel da Agena” ficou em primeiro lugar. A receita de mais de 36 anos pertence à dona Helena Midori Agena, que tem uma história parecida com a de tantos herdeiros dessa tradição superpaulistana. “Comecei a fazer pastel ainda criança com meu pai que já trabalhava nas feiras da cidade”. Dona Helena admite que ao longo do tempo mexeu um pouco na receita original do senhor Nobuo Agena. Mas não adianta pedir, ela não passa segredos. Só diz que é vital para o negócio que tudo seja “fresco e de boa procedência”.

Edu Cesar/Foto Arena
Dona Helena e seu pastel vencedor: receitinha secreta
Dona Helena trabalha com o marido e os filhos. Chega a oferecer cerca de cinquenta sabores diferentes na feira em que atua, às sextas, em São Miguel Paulista. Quando questionada sobre o que fará com o prêmio de 8 000 reais, ela apenas sorri. “Pagarei as contas”. O segundo lugar ficou com o pastel campeão do ano passado, o da Barraca da Maria da Zona Norte, que desta vez ficou com 2 000 reais. “Estava pensando em parar de participar, mas agora vou continuar para tentar o bicampeonato ano que vem”, antecipa Maria Kuniko Yonaha.

A final da segunda edição do concurso paulistano, promovido pela Secretaria de Coordenação das Subprefeituras, reuniu dez barracas finalistas, dentre 230 participantes. Hoje, todo mundo vendeu pastéis ao preço especial de um real cada. Os finalistas foram definidos por votação popular e por um júri à paisana formado por estudantes de gastronomia. Nesta segunda, eles foram avaliados por um segundo corpo de jurados composto de 57 especialistas (entre chefs de cozinha, jornalistas e empresários do ramo gastronômico). Foram avaliados recheio, massa e sabor dos pastéis de carne. Pontos para atendimento, qualidade dos molhos, higiene das instalações e dos pasteleiros - se usam uniforme e luvas e o modo como manipulam o dinheiro - também contaram nas notas finais. Quem ficou com água na boca pode tirar a prova dos pastéis campeões da cidade nas feiras livres que acontecem ao longo da semana. Confira abaixo os três primeiros lugares e os endereços em que os salgados são vendidos.

1° Lugar
Pastel da Agena

Sexta-feira: Rua José Gomes de Faria, 23, Vila Cisper, São Miguel Paulista - Subprefeitura Ermelino Matarazzo

2°Lugar
Pastel da Maria
Terça-feira: Praça Charles Muller, Pacaembu - Subprefeitura Sé
Quarta-feira: Rua Capitão Manoel Novaes, Jardim São Bento - Subprefeitura Tucuruvi
Quinta-feira: Praça Charles Muller, Pacaembu - Subprefeitura Sé
Sábado: Alameda Subtenente Francisco Hierro, 351, Parque Novo Mundo - Subprefeitura Vl Maria/ Vl Guilherme
Domingo: Rua Bressser Mooca - Subprefeitura Mooca

3° Lugar
Pastéis Yamashiro
Terça-feira: Avenida Jose Maria Witaker - Planalto Paulista
Quarta-feira: Rua Bem-Te-Vi - Indianópolis
Quinta-feira: Rua Pedro Fachini - Vila Carioca
Sexta-feira: Rua Maria José c/ Rua Fortaleza - Aclimação
Sábado: Avenida Diederichsen, 45 - Vila Guarani
Domingo: Viaduto Mateus Torloni, Jabaquara - Subprefeitura Jabaquara

 

Leia tudo sobre: pastelpastel de feirapastel de carne

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG